DAKAR: Kevin Benavides retorna e vence a 11ª etapa

O argentino Kevin Benavides retornou a prova hoje com o intuito de ajudar seu companheiro de equipe Matthias Walkner.

Benavides aproveitou das novas regras da FIM W2RC, do qual o Dakar é a primeira etapa e foi o 39º piloto a largar e venceu com uma vantagem de 4 segundos a frente do inglês Sam Sunderland da GasGas, que agora é novamente líder na geral.

A rota de hoje foi em torno da cidade de Bisha com 501 km de deslocamento e uma especial de 346 km.

Na chegada da especial 11, Kevin Benavides conseguiu o melhor tempo, com uma vantagem de 4” à frente de Sam Sunderland, 2’26” da Hero do português Joaquim Rodrigues e 4’54” de vantagem sobre Matthias Walkner, seu companheiro de equipe na KTM.

Pablo Quintanilla terminou em 6º lugar, 7’40” atrás do vencedor, Adrien Van Beveren em 12º, 21’33” atrás e Joan Barreda em 16º lugar 25’10”. Toby Price, que foi o primeiro piloto a largar nesta manhã, completou a etapa em 18º, 30’47” atrás do argentino. Na classificação geral às vésperas da chegada, Sam Sunderland é o novo líder do Dakar com uma vantagem de 6m52s’ sobre Quintanilla e 7m5s sobre Walkner. Adrien Van Beveren da Yamaha está na 4ª posição, 15’30” atrás e Barreda ocupa a 5ª posição, 27’54” atrás do britânico.

Uma GasGas, uma Honda e uma KTM estão na disputa com um intervalo de pouco mais de 7 minutos. O piloto oficial da Yamaha largará na última especial de amanhã de 164 km na 15ª posição, enquanto os três pilotos à sua frente na classificação geral largarão agrupados nos 6 primeiros. A última etapa da 44ª edição do Dakar será decisiva!

OBS.: OS RESULTADOS PODEM MUDAR CONFORME PENALIZAÇÕES POSTERIORES

RESULTADO DO DIA (TOP)

ACUMULADO (TOP 10)

Previous post Rodrigo Luppi/Maykel Justo seguem para penúltima etapa em 6º no acumulado dos UTVs
Next post DAKAR: Marcelo Medeiros chega à frente na penúltima etapa entre os quadriciclos