Guia para acompanhar a decisão do título nacional de Velocidade na Terra

Competição acontece em etapa única entre os dias 25 e 27 de novembro no Autódromo Bom Futuro, em Cuiabá (MT)

Gilliard Scheffer é o atual campeão no Autocross (Victor Lara)

No fim de semana tem corrida… e muitas corridas. A sexta-feira (26) e o sábado (27) prometem ser quentes em Cuiabá (MT) com a decisão do título nacional de Velocidade na Terra. O VNT Brasil, novo campeonato organizado pela SR Promoção de Eventos, levará quase 100 competidores para o Autódromo Bom Futuro de olho nos troféus de três categorias: Autocross, Kartcross e Turismo VNT. O público pode acompanhar o evento de duas maneiras: presencialmente e pelos canais digitais do campeonato. Ao todo serão oito classificatórios e 12 corridas entre sexta e sábado. A quinta-feira (25) é dedicada aos treinos livres.

Para quem optar por ir ao autódromo, as arquibancadas estarão com acesso liberado na quinta e na sexta-feira. Para o sábado, o ingresso será trocado por 1Kg de alimento não perecível na entrada do evento, e quem comparecer poderá assistir aos shows de encerramento com Bruna Viola, Rafa Garcia e Felipe & Ferrari. Para os shows também está disponível a Área VIP com valor de R$600/mesa (4 pessoas) e pode ser adquirido pelo telefone (65) 98402-8520. O ingresso VIP não dá direito de acesso à área de box.

Gian Pasquali é um dos responsáveis pela renovação da Velocidade na Terra e acredita que o evento abrirá uma nova fase para a categoria. “Estamos confiantes de que será um evento que vai marcar uma nova fase do esporte no Brasil. É uma evolução que vem sendo feita há alguns anos e que tem tudo para colocar a categoria em um patamar de destaque dentro do cenário. Teremos o retorno do público que não pode acompanhar no ano passado e teremos uma transmissão ao vivo completa para quem não puder estar presente no autódromo”, disse Pasquali, CEO da SR, uma empresa formada por pilotos para dar continuidade no trabalho com o campeonato nacional.

A edição 2021 do VNT Brasil tem como patrocinador master a UPL OpenAg, patrocinador platinum a Petronas e apoio da CBA, FAEMT e ABF.

Transmissão ao vivo

Todas as classificações e corridas serão transmitidas ao vivo pelos canais digitais do VNT Brasil (www.youtube.com/vntbrasil). No comando da narração estará João Paulo Morini, a voz do Velocidade na Terra no Mato Grosso, que terá ao seu lado Djalma Fogaça, o “Monstro”. As reportagens ficam a cargo de Caio Scafuro. As atividades de pista estão previstas para começar a partir das 13h (horário local, 14h no horário de Brasília) em todos os dias do evento. A programação pode ser alterada devido às condições climáticas, uma vez que com chuva as atividades de pista podem ser suspensas.

Formato de disputas:

AUTOCROSS
A “Fórmula 1” da Terra vai ganhar pitadas de Nascar nesta edição. O campeonato será composto por quatro provas divididas em dois estágios. O primeiro estágio corresponderá aproximadamente 40% da prova, que será neutralizada com a entrada de Safety Car e será feita a relargada para o segundo estágio. O pole position de cada classificatório (quatro no total) será bonificado com um ponto, desde que complete os dois estágios da respectiva prova. Ao final das disputas os pilotos vão descartar o pior resultado obtido em cada estágio (dois descartes). O piloto Gilliard Scheffer, de Sapezal (MT), é o atual Campeão Brasileiro da categoria e vai defender o título diante de 28 adversários.

KARTCROSS
Na categoria Kartcross, uma das bases do Velocidade na Terra, o campeonato é composto por duas Provas com duas Baterias de até 20 minutos de duração cada. O pole position de cada prova também leva o ponto de bonificação e o campeão será definidos por pontos corridos, sem descartes. O atual Campeão Brasileiro da categoria é o paulista Alan Synthes, que defenderá o título em 2021.

TURISMO VNT
A Turismo VNT, a categoria que tem como marca levar os “carros de rua” para o ambiente de competição, será disputada no mesmo formato que o Kartcross. Duas provas compostas por duas baterias cada. Pontuação extra para quem fazer a pole e quem somar mais pontos ao fim das disputas leva o caneco. Como a categoria não esteve presente no Brasileiro do ano passado, o atual campeão é o paulista Gustavo Favoretto, que foi campeão em 2019.

Ficha técnicas dos carros:

AUTOCROSS
Motor: 1.6 AP de fabricação nacional ou MERCOSUL
Tanque de combustível: Capacidade de 25L.
Tipo de Combustível: Etanol
Câmbio: H de quatro velocidades
Pneus: Firestone 195/55R15 (dianteiros) / Bridgestone 205/60R15

KARTCROSS
Motor: 4 tempos 250cc (Honda Twister ou Tornado)
Tanque de combustível: Capacidade máxima 10L
Câmbio: Original do motor com 6 marchas

Turismo VNT
Motor: 1600cc
Combustível: Etanol
Câmbio: Original do veículo

Como acompanhar as provas:

No Autódromo:
Quinta e sexta-feira – Portões abertos para arquibancada  a partir das 12h
Arquibancada: acesso livre (limite de 500 pessoas)
Estacionamento no local: R$10 (motos) / R$20 (carros)

Sábado – Portões de arquibancada abertos a partir das 12h / Área VIP* a partir de 23h

Arquibancada: 1kg de alimento não perecível (limite de 500 pessoas)
Camarote VIP*: R$600/mesa(4 pessoas) – vendas pelo telefone (65) 98402-8520

Show de encerramento com Bruna Viola, Rafa Garcia e Felipe & Ferrari após o término do campeonato.

*O ingresso VIP não dá direito de acesso e trânsito na área de box.

Canais Digitais do VNT Brasil:

Facebook: https://facebook.com/vntbrasil/
Instagram: https://www.instagram.com/vntbrasil/
YouTube: https://www.youtube.com/c/VNTBrasil

Informações para a imprensa:
CS Press & Content
Caio Scafuro

Previous post Caio Castro vence prova da Porsche Cup e mostra bastidores do GP do Brasil
Next post Yamaha conquista Campeonato Brasileiro de Rally com Adrien Metge