Fábio Cunha, Fábio PL e Renzo Lima vencem sétima etapa

Fábio Cunha (Le Mans e Old Stock) e Hélio Matias (Light) mantém liderança do campeonato

Pódio da Le Mans do RKC

Em uma rodada extremamente competitiva, Fábio Cunha (Le Mans), Fábio PL (Old) e Renzo Lima (Light) vencem a sétima etapa do campeonato do Rotary Kart Club (RKC), realizada no último fim de semana (24/9) no Kartódromo de Interlagos (São Paulo/SP). Com estes resultados, a ponta do certame permaneceu com os mesmos líderes: Fábio Cunha (Le Mans e Old Stock) e Hélio Matias (Light).

Na nova categoria Le Mans, Fábio Noronha foi contemplado em sorteio para largar da pole position, enquanto Leonardo Ferreira foi o mais rápido da tomada de tempos, seguido de Alberto Otazú, a 20 milésimos de segundo. Em uma prova muito disputada, com várias trocas de posição, além destes três pilotos, o convidado Caio Ditlef e Fábio Cunha também lideraram a corrida, com Cunha ampliando a sua vantagem no campeonato ao vencer pela primeira vez, com a vantagem de 0s502 sobre Ditlef e 0s686 em cima de Otazú, após apenas 13 voltas em 14min33s897 de competição.

“Eu tinha plenas condições de vencer, tanto que deixei o Caio (Ditlef) me passar na última volta para pegar o vácuo dele, pois o meu kart era cerca de dois décimos mais lento do que o do (Fabio)Cunha. Infelizmente, encerraram a corrida duas voltas antes do que o previsto, acho que foi a corrida mais curta de que participei até hoje. Mas sigo na briga pelo título”, confia o atual campeão Alberto Otazú (Cardoso Funilaria e Pintura/Bianchi Automóveis/AVSP/No Fire Services/Rolley Ball/Speed Truck/Imab Metalúrgica/DKR Luvas/Lazy Kart/Concept Kart), agora o sétimo colocado no campeonato, com apenas quatro participações.

A Old Stock teve outra corrida sensacional, decidida apenas na linha de chegada. Fábio PL conquistou a pole position, seguido de Rogério Cebola a 21 milésimos de segundo, e Fábio Cunha. Mas quem veio pra cima foi Geison Granelli, que estabeleceu a volta mais rápida e entrou na última volta na liderança. Só que Fábio surpreendeu e realizou a ultrapassagem na última curva, recebendo a bandeirada com 0s199 de folga para conquistar sua primeira vitória. Com a terceira posição, Fábio Cunha manteve a ponta do campeonato.

Finalmente na Light, Renzo Lima deu continuidade à sua reação no certame. Largou da pole position para vencer pela segunda vez consecutiva, mas com a escassa margem de 0s362 sobre Hélio Matias, que assim se manteve na liderança da tabela de pontuação. A terceira posição foi de Thiago Dias, seu melhor resultado do ano. O ponto de bonificação pela volta mais rápida foi de Marcelo Carvalhaes, pela segunda vez correndo no RKC.

Resultado da sétima etapa da Le Mans: 1) Fábio Cunha, 13 voltas em 14min33s897; 2) Caio Ditlef, a 502; 3) Alberto Otazú, a 0s686; 4) Leonardo Ferreira, a 0s999; 5) Geison Granelli, a 11s509; 6) Hilheus Vagner, a 11s679; 7) Marcos Perez, a 11s871; 8) Rogério Cebola, a 12s106; 9) Marcelo Costa, a 12s498; 10) Eduardo Fiaminghi, a 18s582.

Confira os dez primeiros da Le Mans depois de sete etapas: 1) Fábio Cunha, 141 pontos; 2) Leonardo Ferreira, 132; 3) Fábio PL, 124; 4) Gustavo Pincelli, 122; 5) Geison Granelli, 122; 6) Fernando Teles, 117; 7) Alberto Otazú, 114; 8) Alexandre Porche, 104; 9) Fábio Noronha, 104; 10) Rogério Cebola, 93.

Resultado da sétima etapa da Old Stock: 1) Fábio PL, 15 voltas em 16min59s853; 2) Geison Granelli, a 0s199; 3) Fábio Cunha, a 4s592; 4) Rogério Cebola, a 4s794; 5) Gustavo Pincelli, a 9s428; 6) Leonardo Ferreira, a 9s633; 7) Hilheus Vagner, a 11s947; 8) Andrez Souza, a 12s154; 9) Sérgio Compain, a 14s365; 10) Fábio Noronha, a 15s095.

Confira os dez primeiros da Old Stock depois de sete etapas: 1) Fábio Cunha, 157 pontos; 2) Fábio PL, 150; 3) Geison Granelli, 141; 4) Leonardo Ferreira, 135; 5) Gustavo Pincelli, 113; 6) Hilheus Vagner, 112; 7) Miguel Sacramento, 104; 8) Sérgio Compain, 101; 9) Rogério Cebola, 100; 10) Hélio Matias, 92.

Resultado da sétima etapa da Light: 1) Renzo Lima, 15 voltas em 17min02s270; 2) Hélio Matias, a 0s362; 3) Thiago Dias, a 4s105; 4) Caio Terra, a 6s896; 5) Gustavo Pincelli, a 7s088; 6) Marcelo Carvalhaes, a 9s819; 7) Luiz Gouvêa, a 18s719; 8) Rafael Torres, a 19s248; 9) Andrea Senigalia, a 19s982; 10) Ricardo Cesar, a 26s290.

Confira os dez primeiros da Light depois de sete etapas: 1) Hélio Matias, 153 pontos; 2) Renzo Lima, 150; 3) Gustavo Pincelli, 139; 4) Arthur Martins, 131; 5) Caio Terra, 123; 6) Rafael Torres, 113; 7) José Mauro Claudino, 102; 8) Edinaldo Santos, 92; 9) Regys Alves, 85; 10) Luis Henrique Pereira, 84.

Visite www.rkcracing.com.br