Velocidade na Terra reúne 72 carros em Ponta Grossa

A categoria Old Chevy mostrou muita competitividade, projetando uma excelente temporada em 2021 (Foto: Victor Lara)

A categoria Old Chevy mostrou muita competitividade, projetando uma excelente temporada em 2021 (Foto: Victor Lara)

A etapa final do Paranaense de Velocidade na Terra 2020 e abertura da temporada 2021 da modalidade foi realizada com sucesso pelo Ponta Grossa Motor Clube no sábado e domingo, com a participação de 72 carros no autódromo da cidade de Ponta Grossa. A etapa foi realizada nas categorias Old Chev A e B, Marcas A e B, Marcas Estreantes, Old Fusca Velocidade A e B, e Kart Cross, com organização de Carlos Alberto Soares, o Carlinhos do Ponta Grossa Motor Clube, e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA), no evento denominado “Prova Ponta Grossa 198 Anos”.

Como no sábado (11), o tempo começou com uma garoa fina e no meio da tarde choveu forte, não foi possível realizar os treinos livres, Classificatório e a primeira bateria como estavam previstos. A programação da etapa foi adequada para o domingo (12), que amanheceu ensolarado, com um treino livre, os treinos classificatórios e uma bateria de cada categoria. Destaque para a participação do público, que além da Galera da Curva, principal torcida da Velocidade na Terra, haviam quase mil pessoas, obedecendo o distanciamento e usando as máscaras, como determinaram os órgãos de saúde do município.

Na categoria Old Fusca Velocidade A, que contou com 18 carros, a vitória foi de Luís Fernando Tatsch, seguido de Jefferson Leopoldo de Pontes, Rogerson Pereyma da Silva, Emanuel Pauzer e Luciano Laroca Rosa. Na Old Fusca Velocidade B, venceu Ailson Júnior, com Alexandre José Marzolla em segundo e Artur Leonel de Pontes em terceiro lugar.

Alefer Rafael Maia da Costa venceu na Old Chev A, tendo Robson Moura em segundo, Cleverson Petrich em terceiro, Flávio Mendes em quarto e Rogério Torres em quinto lugar. Na Old Chev B venceu Rafael Welsyski, seguido de Fagner Lenkot, Fabrício Lenkot, Ricardo Moleta e Dorival do Valle. As duas categorias Old Chev reuniram 25 carros.

A categoria Marcas A foi dominada de ponta a ponta pelo piloto Leonardo Kovalski, seguido de Stive Augusto Tokarski, Jean Carlo Gans e Amauri “Juca” Lisboa Júnior. Na categoria Marcas B, venceu João Ademir Stabach, com o acidente de Antonio Jorge Amorim Carvalho, que abandonou a prova logo na primeira volta.

Na Marcas Estreantes a vitória foi de Jocemar Chiqueti, com Vitor Colodel em segundo, Genilson Colodel em terceiro, Sandro Stenzowski em quarto e Jarbas Schust em quinto lugar. E na Kart Cross, venceu Marcel Machado Moreira, tendo Maiko Reis Gregório em segundo, Luiz Henrique Camargo em terceiro, Douglas Luís Rodrigues em quarto e Luiz Santos Camargo em quinto lugar.

A segunda etapa do Paranaense de Velocidade na Terra está marcada para os dias 23 e 24 de outubro, também em Ponta Grossa.