MARCOS GOMES FICA EM 7º NO ALMS, MAS A SUA BOA ATUAÇÃO PODE LEVAR A OUTRA “24 HORAS DE LE MANS”

Campeão da temporada passada do Asian Le Mans Series, o brasileiro Marcos Gomes não teve a mesma felicidade no campeonato deste ano e terminou em sétimo da categoria GT, ao chegar hoje (sábado, 20/02), em 8º lugar com o Mercedes-AMG da equipe HubAuto na segunda corrida “4 Horas de Abu Dhabi”. O piloto Viemar Automotive, campeão brasileiro de Stock Car de 2015, participou em parceria com o australiano Liam Talbot e com o italiano Raffaele Marciello, piloto oficial de fábrica da Mercedes-AMG.

Mais uma vez, Marcos Gomes fez bem o seu turno do meio na difícil e tumultuada corrida de hoje, que teve muitos acidentes e bandeiras amarelas, principalmente na primeira hora, onde o piloto Liam Talbot largou na “pole-position”, mas teve dificuldades em acompanhar o ritmo dos pilotos mais experientes. Já o piloto brasileiro, mais uma vez, voltou a ter a mesma regularidade e rapidez em quase todas as suas voltas, chegando a ocupar o terceiro lugar e fazer a melhor volta do Mercedes-AMG da HubAuto, com 2min09s739, na 37ª passagem pela reta dos boxes.

Mesmo com a tocada regular do italiano Marciello, o time do brasileiro fez uma parada a mais de box do que a maioria dos concorrentes e acabou ficando em 8º lugar da “4 Horas” de hoje da categoria GT, vencida pelo Ferrari 488 GT3 da Kassel Racing By CarGuy dos pilotos Takeshi Kimura, Come Ledogar e Mikkel Jensen. Os campeões da categoria GT do Asian Le Mans Series foram os alemães Ralph Bohn, Alfred Renauer e Robert Renauer, com o Porsche 911 GT3 R da Precote Herberth Motorsports, que hoje chegou em 5º lugar.

Na classe LMP2, a vitória foi novamente do LMP2 Oreca 07 – Gibson, dos pilotos Sean Gelael e Tom Bronqvist, mas os campeões do Asian Le Mans Serie foram os pilotos Yifei Ye, Ferdinand Habsburg e Rene Binder, com o quarto lugar que obtiveram no comando do Aurus 01 – Gibson da G-Drive Racing. O título de pilotos da classe LMP3 ficou para Manuel Maldonado, Rory Penttinen e Wayne Boyd, que venceram a prova de hoje com o Ligier – Nissan da United Autosports.

O piloto Viemar Automotive, Marcos Gomes, comentou que “tive uma boa atuação nas quatro corridas, mas a nossa estratégia de aproveitar para parar nas bandeiras amarelas não deu certo dessa vez. Mesmo assim, tenho certeza que a equipe gostou novamente do meu trabalho e fico na expectativa de ser convidado novamente por um time para correr na prestigiada 24 Horas de Le Mans, em junho”

Por: Charles Marzanasco Filho

Créditos: High Speed Brazil – https://www.highspeedbrazil.com.br/marcos-gomes-fica-em-7o-no-alms-mas-a-sua-boa-atuacao-pode-levar-a-outra-24-horas-de-le-mans/