Dakar: com recuperação incrível, brasileiros vencem primeira etapa na Arábia Saudita

Campeão de 2018, piloto Reinaldo Varela e o navegador Maykel Justo tiveram pneu furado com apenas 10km de prova

Como previsto, será uma disputa muito apertada e difícil. A dupla Reinaldo Varela/Maykel Justo venceu neste domingo (3) na categoria UTV a primeira etapa do Rally Dakar, que percorrerá um total de 7.646km até o dia 15 de janeiro dentro do território da Arábia Saudita, privilegiando a presença em dunas do deserto, cordilheiras, cânions e trechos rochosos. Varela/Justo completaram os 277km de especiais – trechos cronometrados em alta velocidade – com apenas 28 segundos de vantagem para a dupla segunda colocada, o norte-americano Austin Jones e o brasileiro Gustavo Gugelmin. Os vencedores, no entanto, tiveram sérias dificuldades para alcançar a vitória.
“Em um trecho rochoso pegamos uma pedra que rasgou o pneu traseiro direito e nos obrigou a parar com apenas 10km de corrida. Fizemos a troca bem rápido, mas enquanto isso vimos o pessoal nos ultrapassando. Foi um sufoco, não estávamos acreditando no que estava acontecendo”, conta Varela. “Depois, tivemos que manter a calma e ir passando o pessoal um a um, sempre com cuidado para não furar outro pneu. O Dakar, aqui na Arábia Saudita, tem essa característica, de destruir pneus nos trechos rochosos. Que bom que conseguimos superar isso”, completa o piloto, que compete pela equipe Monster Energy Can-Am.
“Outro ponto importante: eu e o Maykel estamos estreando nossa parceria e acho que não poderíamos ter um teste e um resultado melhor do que os de hoje. Ele está de parabéns pelo trabalho que fez e a nossa equipe está orgulhosa do que alcançamos aqui”, concluiu o piloto, que corre pela primeira com navegação de Maykel Justo.

“Deserto puro” – O trajeto total deste domingo, contando os deslocamentos, foi composto de 622km em estradas de terra e areia, rumo ao interior saudita. Largando dos arredores de Jedá, maior cidade portuária do país, a caravana do Dakar chegou a Bisha, na beira de uma região mais desértica. Amanhã, a partir dali, a corrida segue para Wadi Ad-Dawasir, no centro-sul da Arábia Saudita.
“Já estamos às portas do deserto puro. Amanhã vamos encarar as primeiras dunas. Um dos destaque é um trecho de 30km formado somente por dunas, com saltos e descidas intermináveis. Vai ser um teste de resistência”, conta Maykel Justo. “Depois disso, teremos um longo trecho de nada mais do que areia para todos os lados, uma vastidão, que é o que assusta quando se está no deserto”, pontua o navegador da equipe Monster Energy Can Am. O clima a partir de amanhã passa a ser típico do deserto. Em Wadi Ad-Dawasir, o calor pode atingir 54oC no verão e chegar a -2oC durante a noite no inverno, atual estação na Arábia Saudita. “Mesmo assim, o calor chega a 35oC ao meio dia nessa época do ano, horário em que estaremos no meio da trilha”, avisa Reinaldo Varela.

O Dakar em resumo – Disputada inteiramente na Arábia Saudita, a 43ª edição do Dakar terá em seus 7.646km um total de 4.767km de especiais – trechos cronometrados em alta velocidade. Os restantes 2.879km são correspondentes aos deslocamentos entre os pontos de largada e chegada em cada um dos doze dias. O roteiro da prova começa e termina Jedá. Reinaldo Varela e Maykel Justo também contam com apoio de Norton, Divino Fogão e Motul.

Rally Dakar, Etapa 01
03 de janeiro, Jedá a Bisha (Arábia Saudita)
622 km (277 de especiais)
1º) Reinaldo Varela (Brasil)/Maykel Justo (Brasil), Can-Am XRS Turbo
2º) Austin Jones (EUA)/Gustavo Gugelmin (Brasil), Can-Am XRS Turbo
3º) Francisco Lopez Contardo (Chile)/Juan Pablo Latrach Vinagre (Chile), Can-Am XRS Turbo
4º) Gerard Farres Guell (Espanha)/Armand Monleon (Espanha), Can-Am XRS Turbo
5º) Sergei Kariakin (Rússia)/Anton Vlasiuk (Rússia), Can-Am Maverick X3 Turbo
6º) José Antonio Hinojo Lopez (Espanha)/Diego Ortega Gil Espanha), Can-Am Maverick X3 Turbo
7º) Santiago Navarro (Espanha)/Marc Sola Terradellas (Espanha), Can-Am Maverick X3 Turbo
8º) Saleh Alsaif (Arábia Saudita)/Oriol Vidal Montijano (Espanha), Can-Am Maverick X3T3PRO Turbo

Foto: Victor Eleuterio/Fotop

Por: BestPR

Créditos: High Speed Brazil – https://www.highspeedbrazil.com.br/dakar-com-recuperacao-incrivel-brasileiros-vencem-primeira-etapa-na-arabia-saudita/