Fábio Cadasso e Artur Carvalho estão em sétimo na UTV Over 45 no acumulado

A dupla maranhense Fabio Cadasso/Artur de Carvalho, Equipe Cadasso Racing, segue firme, com seu Can-Am Maverick X3, #253, já em sua terra natal. Nessa 5ª etapa (5), percorreram mais de 600 km, com trecho cronometrado reduzido pela organização – de 337 km para 277 km -, e ocupam a 7ª posição no acumulado (19h23min23). Cadasso é único piloto da história do Sertões que já competiu em todas as modalidades: caminhão, moto, carro e quadriciclo e, nesta 28ª edição, nos UTVs. Essa é sua nona participação e já conquistou seis pódios na prova, um deles como vice-campeão na Production T2.

“Essa 5ª etapa foi complicada para nós. Largamos e andamos bem um bom trecho. Mas quando já estávamos terminando uma parte da Especial, pela manhã, tivemos um problema na turbina. Ficamos parados uns 15 minutos, conseguimos consertar em seguida, porém com um prejuízo muito grande. O UTV perdeu rendimento, mas chegou até o final do percurso”, diz Cadasso, que compete com a própria equipe com apenas cinco integrantes.

Os competidores do Sertões se deslocaram de Palmas/TO, onde estava a Bolha 4, chegando a Carolina/MA, Bolha 5, passando, com muita chuva, pelo lendário Jalapão, e uma Especial, que mesclou trechos mais travados com mais rápidos, e curvas de média e alta velocidade.

O navegador Carvalho, que no ano passado estreou no Sertões nos UTVs está há nove anos no off-road, sobretudo no Rally de Regularidade. Nos quadriciclos já foi pentacampeão do Rally Cerapió e bicampeão maranhense, entre outras conquistas.

Neste ano, a caravana do Sertões percorre de Bolha em Bolha. Os parques de apoio da prova estão sendo fora do perímetro urbano para evitar aglomerações. O rali passa por este Brasil doando milhares de cestas básicas as comunidades, além de oferecer atendimento médico gratuito em algumas regiões. Este é maior rali das Américas, que percorre cinco estados – São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Tocantins e Maranhão – e o Distrito Federal.

A 6ª etapa que teria com 741 quilômetros, com 300 de trechos cronometrados, foi cancelada devido às condições climáticas e os competidores se deslocam, pelo asfalto até Bacabal, cidade da Bolha 6. Mais informações sobre o segundo cancelamento de etapa será atualizado pela organização no decorrer do dia. Agora, o rali será decidido na última etapa no sábado, quando termina no em Barreirinhas/MA

Trajetória de pódios e solidariedade no Sertões – Fábio Cadasso estreou no grid do Sertões em 2012, na categoria Caminhões Leves, pela Ford Racing Trucks/Território Motorsport, quando ficou em 3º lugar na categoria. Em 2013, pilotou um Troller da equipe Troller Racing/Território Motorsport e terminou em 3º na Production T2. No mesmo ano, conquistou os títulos Brasileiro e Paulista de Rally Cross Country 2013, na categoria Caminhões Leves. Dois anos depois retornou ao grid e passou a competir com equipe própria, com uma Pajero TR4 e foram três anos com pódio: 5º lugar em 2015, 2016 vice-campeões e 2017 em 5º lugar, sempre na Production T2. Guerreiro, encarou a edição de 2018 de moto (CRF 250cc) e foi o único ano que não conseguiu completar, pois se acidentou. Em 2019 disputou nos quadris (700cc) e fechou em 5º na categoria e 2020 estreia nos UTVs. A equipe Cadasso Racing, seguindo o projeto iniciado em 2016, neste ano, doou 300 livros para a ação social do Sertões, que serão distribuídos para crianças ou escolas.

A equipe Cadasso Racing tem patrocínio do Governo do Estado do Maranhão, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, e do Grupo Mateus, e apoio da Off-Road SLZ.

Mais informações sobre a dupla e também para acompanhar a cobertura durante o Sertões acesse as redes sociais: Facebook/ @pilotofabiocadasso, Instagram/@equipecadassoracing e Twitter/@equipecadassoracing.

Resultado Acumulado – Categoria Over 45 (após a 5ª etapa)
1º – 252 – Marcelo Tomasoni/Breno Resende – 17h43min33
2º – 222 – Silvio Martins/Winicius Martins – 18h11min39
3º – 247 – José Rufino/José Fiuza Neto – 18h17min48
4º – 230 – Leonardo Collier/Leonardo Mendonça – 18h31min51
5º – 234 – Javier Fernandez/ Marcos Finato – 18h36min06
6º – 246 – Wander Ribeiro/ Caio Spolidorio – 18h48min23
7º – 253 – Fábio Cassado/ Artur de Carvalho – 19h23min23
8º – 255 – João Resende/João Paulo Teles – 19h23min54
9º – 250 – Moses Fliter/Guilherme Holanda – 21h11min48
10º – 244 – Armando Pires/ Eduardo Pires – 21h24min25

Resultado 5ª etapa – Classificação UTV Over 45 – 5/11
1º – 252 – Marcelo Tomasoni/Breno Resende – 3h50min34
2º – 246 – Wander Ribeiro/ Caio Spolidorio – 3h55min14
3º – 230 – Leonardo Collier/Leonardo Mendonça – 3h55min54
4º – 222 – Silvio Martins/Winicius Martins – 3h58min12
5º – 247 – José Rufino/José Fiuza Neto – 4h01min48
6º – 234 – Javier Fernandez/ Marcos Finatto – 4h07min02
7º – 262 – Helena Deyama / Josi koerich – 4h22min22
8º – 244 – Armando Pires/ Eduardo Pires – 4h24min32
9º – 251 – Gugelmin/Koech – 4h24min48
10º – 255 – João Resende/João Paulo Teles – 4h26min30
11º – 263 – Daniel Gonçalves/Sano chermont – 4h31min12
12º – 253 – Fabio Cassado/Artur de Carvalho – 4h37min11

Programação 28º Sertões

7ªetapa – BOLHA 7 – 7/11, sábado (chegada em Barreirinhas/MA)
Total: 512 km, sendo 280 km de trechos cronometrados

Assessoria de Imprensa – Equipe Cadasso Racing
Deborah Ferreira – deborah@tudoemcomunicacao.com.br/cel. (11) 11 97252-2360