Prologo abre disputa no Velocitta

Prólogo abre disputa no Velocitta com desfalque de Adrien Metge

Piloto francês, um dos favoritos nas Motos, está fora do Sertões 2020 por testar positivo para Covid-19. Definição da ordem de largada para Motos, UTVs e Carros tem início a partir das 10h30.

Chegou a hora de acelerar!. A arena está pronta, todos os protocolos de segurança foram realizados com sucesso e nesta sexta-feira (30), a partir das 10h30, os competidores do maior rally das Américas encaram seu primeiro desafio: o prólogo, que vai definir a ordem de largada para a primeira etapa. Na véspera do início, um desfalque de respeito nas duas rodas. O francês Adrien Metge (IMS Yamaha), testou positivo para a Covid-19 e está fora do Sertões 2020.

O circuito do prologo conta com 4.730m, num circuito sinuoso com algumas retas, piso misto de cascalho e pedrisco, que exigirá muita perícia e concentração. O percurso não permite erros, pois não terá áreas de escape.

Lagar na frente é fundamental para encontrar um terreno em melhores condições e, acima de tudo, minimizar a probabilidade de encontrar concorrentes mais lentos pelo caminho, pois as ultrapassagens são um dos maiores desafios para os competidores. Apesar de todos os veículos contarem com um sistema de alerta (Stella) que informa a aproximação de quem vem mais rápido, nem sempre há espaço para permitir a manobra.

Por outro lado, é preciso conter a ansiedade e lembrar que não se ganha a prova no primeiro dia, mas é possível perdê-la. Algo que está na ponta da língua de pilotos e navegadores. Um acidente ou problema mecânico pode comprometer as chances no desenrolar da maratona off-road, que ainda reserva quase cinco mil quilômetros até a chegada, dia 8, em Barreirinhas (MA).

As primeiras a entrar em ação serão as motos, seguidas pelos UTVs e pelos carros (em ordem crescente de numeração), sempre com intervalos de um minuto entre cada competidor.

O que eles disseram

Lucas Moraes, campeão 2019 nos carros

“Pelo que vimos o prólogo é bem interessante, com piso bom, mas estreito. Fico com o chavão de que o rally não é ganho no primeiro dia, mas pode ser perdido nele. Lógico que o objetivo é andar forte para garantir uma posição de largada favorável na primeira especial e ter menos problemas com ultrapassagens”.

Tunico Maciel, campeão 2019 nas motos

“Não posso ficar ansioso pensando no lugar em que vou ficar depois dele. Se me sentir confiante, vou acelerar. Se não, paro, respiro e faço o melhor possível. Não me importa ser o primeiro a partir na especial de sábado, confio bastante na minha navegação”

Denísio do Nascimento, campeão 2019 nos UTVs

“Nós fizemos o reconhecimento do percurso a pé e será muito técnico. Em muitos lugares tem cerca de um lado e barranco do outro. Por isso mesmo é melhor acelerar de uma forma consciente, sem arriscar. Não me importo de largar um pouco para trás na primeira especial, a prova dá condição suficiente de ganhar ritmo e posições”

Adrien Metge

“Nem sei muito o que falar, estou muito triste. É difícil acreditar. Na segunda-feira fui fazer o teste no aeroporto, o resultado saiu algumas horas depois e deu positivo. Esperei até hoje para realizar um novo teste. O resultado saiu em quatro horas e deu positivo de novo. É uma pena, porque não estou com sintomas, estou bem. Eu estava preparado, a moto estava muito boa, tudo organizado e todo mundo animado. Mas é isso, não temos o que fazer”.

 

O SERTÕES

Um ano diferente pede um Sertões diferente. O maior rally das Américas se transforma no “Rally da Solidariedade”. A 28ª edição da prova traz adaptações relevantes nas suas três dimensões: Esporte, Social e Turismo. A missão este ano é levar acesso à medicina de qualidade e fomento econômico para as comunidades remotas e carentes do Brasil. Este ano a ação social do Sertões está focada em dois pilares: 1. Saúde: a instalação de unidades de teleatendimento médico gratuito de qualidade, projeto inovador desenvolvido pelo SAS Brasil; 2. Legado econômico: Ação coordenada com o SEBRAE em apoio à campanha ‘COMPRE DO PEQUENO’. Aquisição de cestas básicas de pequenos produtores locais que serão distribuídas nas regiões aos que estão sem trabalho e renda, além de todo abastecimento das Bolhas Sertões. O lado competitivo da prova foi adaptado e traz um protocolo de segurança especial com 10 medidas. A caravana ficará isolada em bolhas durante o percurso, em acampamentos fechados. Já a dimensão Turismo, que revela lugares que pouca gente conhece, foi postergada para 2021.

O ROTEIRO SERTÕES 2020

O Sertões 2020 sai da Fazenda Velocitta, em Mogi Guaçu (SP) dia 30/10 e chega em Barreirinhas (MA) dia 07/11. Vai cruzar cinco Estados e o Distrito Federal – SP, MG, DF, GO, TO e MA. Este ano, excepcionalmente, não haverá chegada às cidades anfitriãs. Toda a caravana se fechará em bolhas – locais isolados, afastados de adensamento.  Esses locais serão mantidos sob sigilo, a fim de evitar aglomeração. Os locais exatos das bolhas só serão revelados aos competidores na véspera. Todos seguirão por uma rota pré-estabelecida e monitorada.

 

O ROTEIRO

1ª Etapa – Bolha Velocitta – Sábado, 31/10 (Mogi Guaçu/SP)

DI – 260 km | TE – 205 km | DF – 120 km | Total – 585 km

 

Domingo, 01/11 (SP->DF)

Deslocamento para Brasília (DF)

 

2ª Etapa – Segunda-feira, 02/11 (DF->GO)

1ª perna Maratona Renê Melo

DI – 159 km | TE – 353 km | DF – 0 km |Total – 512 km

 

3ª Etapa – Terça-feira, 03/11 (GO ->GO)

2ª Perna Maratona Paulo Gonçalves

DI – 0 km | TE – 200 km | DF – 169 km | Total – 369 km

 

4ª Etapa – Quarta-feira, 04/11 (GO->TO)

DI 26 km | TE 329 km | DF 295 km | Total 650 km

 

5ª Etapa – Quinta-feira, 05/11 (TO->MA)

DI – 99 km | TE – 227 km | DF – 284 km | Total – 610 km

 

6ª Etapa – Sexta-feira, 06/11 (MA->MA)

DI 128 km | TE 300 km | DF 313 km | Total 741 km

 

7ª Etapa – Sábado, 07/11 (Barreirinhas/MA)

DI 258 km | TE 223 km | DF 34 km | Total 515 km

 

 

Siga-nos em nossas redes sociais e saiba tudo sobre o SERTÕES:

Site: www.sertoes.com

Instagram: @sertoes

Facebook: https://www.facebook.com/sertoesoficial

Youtube.com/sertoesoficial

Twitter.com/sertoesoficial

Baixe o APP do Sertões – disponível nas versões Android e IOS.

 

Comunicação – Sertões

Meg Cotrim: + 55 11 99182 8180

Alexandre Salvador: + 55 11 99625 1054

Silvana Grezzana: +55 11 99972 6966

Rodrigo Gini: + 55 31 99616 4179

 

 

 

 

Créditos: Rally dos Sertões – Leia mais: https://sertoes.com/2020/10/29/prologo-abre-disputa-no-velocitta/