Toque logo no início da corrida tira chances de mais um pódio de Chris Bornemann

O HB20 #343 saltou de 11º para 5º na largada, mas sofreu toque e teve que abandonar a prova

Foto: Rodrigo Aguiar Ruiz

Em mais um final de semana histórico para a Copa HB20, que marcou a estreia da categoria no Velocittá, o piloto Chris Bornemann foi para a pista – marcada pela complexidade e considerada uma das mais técnicas do país – a fim de buscar mais um pódio na temporada. Por conta de algumas adversidades com o carro, no entanto, ele não conseguiu repetir o bom desempenho apresentado nas últimas etapas. Ainda assim, a rodada dupla rendeu muitas emoções, em especial na disputa entre os Bornemann Brothers – que não se distanciaram nem na pista.

Na corrida 1 do final de semana, largando da 11ª posição, o carro #343 teve dificuldades por conta da temperatura elevada da pista e não conseguiu escalar o pelotão, encerrando a participação na mesma colocação em que iniciou. “Não acertamos o carro para a temperatura elevada da pista e sofremos com o erro na calibragem de pneus. Apesar disso, o divertido foi a disputa e troca de posições com o Lucas. Mais uma vez, judiamos do nosso patriarca Zé Bornemann” comentou Chris.

Neste domingo, iniciando a corrida, novamente, em 11º, Chris fez uma grande largada, escapou da “confusão” na primeira curva e escalou o pelotão, chegando à terceira colocação. Logo em seguida, no entanto, o HB20 #343 sofreu um toque de um adversário que resultou na quebra da suspensão, obrigando o abandono precoce da prova.

Agora, as atenções do piloto Christiano Bornemann se voltam para a próxima etapa da Copa HB20, que já tem data e locais definidos: Ela acontecerá no final de semana dos dias 7 e 8 de novembro, em Curitiba – casa dos Bornemann.

Foto: Rodrigo Ruiz

Por: DRAX SPORTS

Leia mais: https://www.highspeedbrazil.com.br/toque-logo-no-inicio-da-corrida-tira-chances-de-mais-um-podio-de-chris-bornemann/