Marcos Colvero (Bianchini Rally/Power Husky) vence na Over 45 e lidera no acumulado

Além do piloto de Porto Alegre que está na ponta na categoria, mais duas motos e um UTV da equipe estão entre os cinco mais rápidos, das respectivas categorias, e na briga pelo pódio. Prova é válida por três etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country
Catarinense Bogo fechou a sexta-feira em 3o na Over 45 (Pedro Henrique Santos/PhotoAction) Nesta sexta-feira (28), segundo dia do Rally Jalapão, a Bianchini Rally/Power Husky enfrentou 255 quilômetros de uma Especial técnica com vários tipos de terreno –  areia, pedras, terra, trechos rápidos e travados – que testaram máquinas e a resistência de pilotos e navegadores sob altas temperaturas no Oeste da Bahia. O gaúcho Marcos Colvero #20 acelerou sua Husqvarna FE 501 e foi o mais rápido na Over 45 (MT3), com este resultado assume a liderança da categoria.
“Hoje foi um verdadeiro rali em sua expressão máxima e me diverti muito”, afirma Colvero, piloto de Porto Alegre (RS), que está em sua segunda participação na prova e completou a Especial em 3h44m08s. Na mesma categoria, César Augusto Bogo #27 (Lages/SC) fez o terceiro tempo (4h13m06s) e está na 3ª posição no acumulado, também pilotando uma Husqvarna FE501.
Cristhiano Pressi #34 fechou o dia em 5º na Production Aberta (MT2), com 3h20m10s, e subiu uma posição, está em 11º na classificação geral. “Foi uma etapa mais legal e divertida, tivemos areião, lombas, mata-burros e retas de quase 5 quilômetros para acelerar, tanto que a velocidade final hoje foi maior”, conta. “Meu objetivo para amanhã é tentar terminar entre os 10 primeiros da geral e encerrar o rali entre os Top 10”, explica Pressi, matogrossense de Sorriso, que nesta temporada está competindo com uma Husqvarna FE 501 .
Já entre os três UTVs (Can-Am Maverick X3) da equipe, a dupla de Barueri/SP, Richard Fliter/André Munhoz #122 é que está tendo o melhor desempenho. Após completarem a Especial em 3h09m17s, Fliter/Munhoz terminaram em 3º na UTV Elite (UT1) e subiram três posições no acumulado, estão em 10º na geral e em 3º na categoria e na briga pelo pódio.
Gustavo Zanforlin/Rodolpho Costa #146 completaram o segundo dia em 7º na UT2, com 3h19m34s, e em 17º na geral, a mesma posição que ocupam no acumulado. “Uma Especial ótima, gostei muito com pedras e erosões, mas exigiu bastante do carro e da pilotagem”, ressalta o paulista Zanforlin, que estreia no Rally do Jalapão e está aproveitando cada quilômetro como bagagem para o Sertões.
Já Moses Fliter/Guilherme Holanda #139, que competem pela Over 45 (UOV) tivemos problemas e não completam.
Após dois dias de disputas, os competidores de motos, UTVs, quadriciclos e carros partem, neste sábado, para a etapa final do Rally Jalapão. O dia terá um total de 333 quilômetros, dos quais 163 de trechos cronometrados. Parte da Especial será um trecho deste segundo dia, mas percorrida ao contrário. Devido aos protocolos de segurança em função da pandemia, o parque de apoio do evento, localizado em uma fazenda na região de Luis Eduardo Magalhães, não é aberto ao público. No total os 115 inscritos irão percorrer aproximadamente 1.200 quilômetros no interior baiano, dos quais 700 de trechos cronometrados. Mais informações www.rallyjalapao.com.br e resultados completos do dia e no acumulado, por categoria:  www.chronosat.com.br/2020/cc/jalapao20/
A equipe – Nasceu em 2005 quando Fabrício Bianchini decidiu montar a sua própria equipe com sede em Barueri/SP. Dois anos depois, com patrocínio do Grupo Infinity Bio Energy, juntamente com o piloto Marcos Finato, desenvolveram as primeiras motos de rali a álcool no Brasil. Pioneira com o projeto tornou-se a primeira equipe Carbon Free do Sertões. Entre 2007 e 2010 se chamou Infinity Rally Team, mas a partir de 2012, passou a adotar o nome Bianchini Rally. Nas edições de 2007 e 2008 foi premiada como Melhor Equipe do Rally dos Sertões. Pela tradição e profissionalismo conquistados, o time trabalha com pilotos campeões do segmento duas rodas no Sertões, Campeonatos Brasileiros de Rally Cross Country e de Rally Baja.  Entre 2013 e 2016, a equipe disputou a Mitsubishi Cup. Desde 2018 o UTV entrou na equipe com a dupla Bianchini/Adhemar Pereira “‘Índio” e no Sertões 2019 com Javier Fernandez/Marcos Colvero.  Desde 2019 a equipe fechou parceria com Power Husky/Husqvarna Motorcycles Brasil e o time vem conquistando pódios nos Campeonatos Brasileiro de Rally Baja e no Brasileiro de Rally Cross Country.
A Bianchini Rally/Power Husky, com sede em Alphaville/Barueri, conta com a parceria da Power Husky/Husqvarna Brasil, patrocínio da Bianchini S/A e apoio da SHIRO, Borilli, Óculos 100%, O Mundo de Maria, Bull Sertões, Vedacit, Rock e Rede Petrolam.
Mais informações sobre a equipe: www.bianchinirally.com.br, Facebook @equipebianchinirally e Instagram @bianchinirally
Programação 6º Rally Jalapão
Sábado (29/8) – 3º dia
6h – Largada 1ª moto no parque de apoio
17h – Premiação
Deslocamento inicial – 82 km
Trecho especial (cronometrado) – 163 km
Deslocamento final – 88 km
Total do dia – 333 km
Total do percurso – 1.231 km
Total dos trechos cronometrados – 718 km
* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.
MSuzuki Comunicação
Mércia Suzuki
11 99705-7720/  mercia.suzuki11@gmail.com
Facebook e Instagram l @msuzukicomunicacao
www.msuzukicom.com.br