Eduardo Borgert e Luis Felipe Tavares vencem em Spa pela quarta etapa do Porsche Esports Carrera Cup.

A noite de quarta reservou altas emoções no território virtual belga. Os 35 melhores pilotos do automobilismo virtual brasileiro aceleraram seus 911 GT3 Cup no lendário circuito de Spa-Francorchamps.

Luis Felipe Tavares mostrou que sua noite seria de destaque após cravar a pole-position para a primeira bateria.

A corrida inaugural da noite reservou fortes emoções na parte de cima do grid. Logo na segunda volta, Jeff Giassi, piloto que representa as cores do Brasil no mundial da Porsche TAG Heuer Esports Supercup, assumiu a liderança que era de Luis Felipe Tavares. A disputa entre dois dos principais nomes do grid era quente até a metade da prova, quando ambos se tocaram e viram sua disputa pela liderança escapar.

Quem aproveitou o enrosco entre os dois ponteiros foi Eduardo Borgert, que assumiu a liderança da prova e de lá não saiu até receber a bandeira quadriculada. Completaram o pódio com Borgert: Gustavo Ariel e Erick Goldner.

Inversão das 10 primeiras posições para a segunda corrida e, com isso, Tamy Accioly largou da posição de honra na bateria final da noite.

O grande destaque da segunda bateria ficou por conta de Luis Felipe Tavares. O representante virtual do carro LEGO largou da sexta posição e assumiu a liderança na metade de uma prova que se apresentava apertada para todos os pilotos. Tavares parecia correr como se andasse em Spa todos os dias e abriu 6s de vantagem para o segundo colocado, Bruno Risseto. Vantagem que se manteve até receber a bandeirada final da etapa na primeira colocação. Bruno Risseto terminou em segundo e Gustavo Ariel garantiu seu segundo pódio na etapa.

O grande pontuador da noite foi Ariel. O piloto conseguiu um segundo e um terceiro lugares, somando ao todo 65 pontos na etapa. Quem sai de Spa como líder do campeonato é Eduardo Borgert, que venceu a primeira bateria da noite e agora soma 208 pontos no campeonato. Jeff Giassi, após etapa difícil aparece na segunda colocação com 199 pontos. Completam o top5 do campeonato: Gustavo Ariel (197); Erick Goldner (185) e Márcio Campos (176).

O Porsche Esports Carrera Cup silencia os motores pela próxima semana. O motivo é a etapa da Sprint Challenge, no mesmo circuito de Spa-Francorchamps na próxima quarta (12/08).

O Porsche Esports Program Brasil é uma iniciativa da Porsche Brasil em conjunto com a Porsche Cup Brasil, com patrocínio da TAG Heuer e parceria técnica com o IRB e-Sports.

As corridas:

Luis Felipe Tavares volta ao topo do pelotão e larga da pole position a primeira bateria da noite em Spa-Francorchamps.

Luz verde para a primeira largada e Tavares sustenta a primeira posição dos ataques de Jeff Giassi. Erick Goldner não teve boa largada e caiu duas posições em relação à sua posição inicial.

Largada limpa na bateria com apenas um incidente.

Jeff Giassi foi ao ataque de Tavares pela liderança e o representante brasileiro no mundial virtual da Porsche mostrou por que é o único carteira preta no campeonato. Belíssima manobra que rendeu inclusive um three wide junto com Eduardo Borgert.

A disputa entre os líderes aproximou o pelotão dos ponteiros. Giassi e Goldner, que era sexto no momento, apresentavam diferença inferior a 2s entre eles.

10 minutos passados de prova e o top5 da primeira bateria era: Jeff Giassi, Luis Felipe Tavares, Eduardo Borgert, Gustavo Ariel e Erick Goldner.

No completar da sexta volta, a disputa mais quente era entre Neto Nascimento, Matheus Machado e Bruno Carmo valendo a 18ª colocação.

A batalha pela 10ª posição envolvia cinco pilotos. Willian Candido, Rodrigo Baronio, Tammy Accioly, Bruno Fernandes e Renan Azeredo brigavam pela posição.

No giro seguinte, Baronio realizou bela manobra, por fora, para conquistar a 10ª posição.

Enquanto isso, na dianteira da prova, Jeff Giassi e Luis Felipe Tavares seguiam andando colados. Borgert também andava muito perto dos líderes.

Giassi e Tavares se estranharam no meio de uma curva e se tocaram. Os líderes perderam diversas posições e danificaram seus carros. Eduardo Borgert assumiu a liderança da prova após as confusões. O novo top3 era composto por Eduardo Borgert, Gustavo Ariel e Erick Goldner.

A disputa entre Goldner e Ariel era a mais movimentada da prova nos momentos finais.

Tavares conseguiu se manter dentro do top5 depois do toque, já Giassi caiu para a metade final do pelotão.

Eduardo Borgert vence a primeira bateria da noite, seguido por Gustavo Ariel e Erick Goldner.

Com a inversão dos 10 primeiros colocados, Tamy Accioly largou da ponta e sobreviveu bem na largada. As três primeiras posições eram sustentadas por pilotos da mesma equipe. Accioly, Baronio e Bruno Risseto eram os líderes.

Felipe Baptista rodou em disputa com Erick Goldner, o toque também prejudicou Jeff Giassi, que pegou a sobra do acidente e danificou seu carro #7.

Flávio Xavier, que vinha em disputa pelo top5 escapou e perdeu algumas posições após o erro.

Com cinco minutos disputados, Accioly liderava, Baronio era segundo, Bruno Risseto o terceiro, Tavares o quarto e Márcio Campos o quinto.

No fundo do pelotão, Danilo Fonseca e mais dois carros se enroscaram e rodaram. Prejuízo para os três pilotos.

Com 15 minutos passados, Tavares já era segundo colocado e abria disputa com o líder Tamy Accioly. Os pilotos vieram lado a lado na Eau Rouge.

Melhor para Tavares que assumiu a dianteira da prova e Aciolly caiu para a quarta posição.

Erick Goldner e Eduardo Borgert se tocam na abertura da volta 8. O piloto Shell ficou de frente para o pelotão após o contato na primeira curva.

Tavares já abria mais de 2s de vantagem na liderança com menos de 10 minutos para o fim da segunda bateria.

Após largada conturbada, Jeff Giassi já aparecia na sétima colocação da corrida. O catarinense largou da 15ª posição na segunda bateria.

Luiz Felipe Tavares venceu com mais de cinco segundos de vantagem para o segundo colocado, Bruno Risseto. Gustavo Ariel fecha o pódio da segunda bateria do dia.

Tavares venceu após sair da sexta posição e volta a ganhar uma bateria da Porsche Esports Carrera Cup depois da abertura da temporada, em Interlagos.

O principal pontuador da etapa foi Gustavo Ariel após dois pódios na noite de quarta.

O que eles disseram

“Resultado de lavar a alma! Ao fim das corridas estava super emocionado aqui. Depois de uma etapa complicada, foi a redenção. Consegui um quali bom para a primeira bateria e consegui um bom resultado. Na segunda prova soube esperar os melhores momentos para conseguir as ultrapassagens. As coisas estão entrando no trilho no campeonato.”

Gustavo Ariel

“A primeira bateria foi sensacional, não tinha como ter sido melhor. Fiz uma boa volta de quali, apesar das dificuldades da pista. A corrida já começou com muita ação, o Jeff e o Tavares começaram muito ofensivos, soube que se ficasse próximo deles poderia sobrar algo para mim. E foi o que aconteceu, eles se encontraram e eu assumi a liderança. A segunda bateria foi mais dura, fiquei preso no meio do pelotão e não consegui muita coisa.”

Eduardo Borgert

“Parabéns aos vencedores da etapa. Larguei um pouco mal na primeira bateria, o carro perdeu tração e tive que esperar o pelotão se assentar para buscar as ultrapassagens. No final ainda tentei chegar na segunda posição, mas a pista é muito desafiadora. Na segunda bateria foi a mesma dificuldade do Borgert em ficar preso no meio do pelotão e não ter muita ação.”

Erick Goldner

“Sou apaixonado por Spa! Depois de muitos problemas nas outras etapas eu consegui um bom resultado. O Tavares nem tinha como segurar, o ritmo dele é impressionante, então me concentrei em buscar o pódio na segunda etapa para fechar com um bom resultado geral na etapa.”

Bruno Risseto

“Infelizmente tive aquele toque com o Jeff na primeira bateria, que ainda, mesmo depois do toque consegui me manter no top5. Na segunda bateria tive mais paciência, corri com calma e saí com a vitória que foi muito importante no campeonato.”

Luis Felipe Tavares

Resultados:

Corrida 1:

1. Eduardo Borgert
2. Gustavo Ariel
3. Erick Goldner
4. Luis Felipe Tavares
5. Márcio Campos
6. Bruno Risseto
7. Victor Veloso
8. Flávio Xavier
9. Rodrigo Baronio
10. Tamy Accioly

Corrida 2:

1. Luis Felipe Tavares
2. Bruno Risseto
3. Gustavo Ariel
4. Rodrigo Baronio
5. Tamy Accioly
6. Jeff Giassi
7. Márcio Campos
8. Bruno do Carmo
9. Bruno Fernandes
10. Roger Rezende

Campeonato (top10)

1. Eduardo Borgert – 208 pontos
2. Jeff Giassi – 199
3. Gustavo Ariel – 197
4. Erick Goldner – 185
5. Márcio Campos – 176
6. Rodrigo Baronio – 173
7. Luis Felipe Tavares – 160
8. Bruno Risseto – 131
9. Renan Azeredo – 111
10. Cesar Froener – 100