Atacante do Civitanova (ITA), Yoandy Leal, se prepara para a semifinal do Mundial de Clubes

Yoandy Leal. Foto: Lube Civitanova

O cubano naturalizado brasileiro Yoandy Leal está em mais uma semifinal de Campeonato Mundial de Clubes. O atacante do Civitanova (ITA) enfrenta neste sábado (07) o time do  Al-Rayyan (Qatar), às 17h, em Betim, região Metropolitana de Belo Horizonte (MG).

O torneio conta com quatro times, que na primeira fase se enfrentaram para definir as semifinais.

Na primeira partida da fase classificatória, contra o próprio Al-Rayyan (Qatar), o Civitanova venceu pelo placar, 3 sets a 0. No segundo jogo, contra o Sada Cruzeiro, realizado no dia seguinte, a equipe venceu pelo mesmo placar.

Nesta quinta-feira (05) o time italiano foi derrotado pelos russos do Zenit Kazan, que ficaram em primeiro na classificação. O jogo foi vencido pelos russos no tie-break.

A disputa do terceiro lugar será às 9h de domingo (08), enquanto a grande final será a partir das 12h.

“Nosso time veio com um objetivo: ser campeão. Amanhã vamos começar mais uma fase em busca do Troféu.Foram jogos bons da nossa equipe. No último duelo o treinador deu um descanso para o primeiro time, então pudemos descansar um pouco”, comentou Leal.

“Lembro do meu primeiro Mundial, estava bastante inexperiente. Muito bom ver o quanto evolui e espero seguir desse jeito”, completou.

Leal está no seu sexto Mundial de Clubes, segundo pelo time italiano. O atacante da Seleção  Brasileira tem três títulos Mundiais com o Sada Cruzeiro  (2013, 2015 e 2016), todos conquistados em Betim, palco da edição 2019.

“Está sendo muito legal para mim esse momento. Estou no meu sexto mundial. Estou tranquilo, já que estou acostumado a jogar esse campeonato. Estamos jogando bem e estamos concentrados para avançarmos para final”, comentou Leal.

Pelo Civitanova (ITA) o jogador tem o vice campeonato no ano passado. Esta temporada, o time da Itália venceu a Superliga Italiana e a Champions League, considerada uma das mais difíceis do mundo.

Yoandy Leal teve sua primeira temporada pela Seleção Brasileira de Voleibol neste ano de 2019. Com o time do Brasil, o atacante conquistou a Copa do Mundo de Voleibol, realizada no Japão e o Campeonato Sul-Americano, em Santiago no Chile.

“Foi uma temporada muito longa. Seleção, Lube Volley, mas estou bem preparado para passar por isso. Estou focado e preparado para os próximos passos”, finalizou.

O atacante ajudou a Seleção a conquistar também a vaga para as Olimpíadas de Tóquio 2020, após vencer o pré-olímpico em Varna, na Bulgária, contra os donos da casa

————

Close