MotoGP: Marquez comemora evolução na pré-temporada e já mira primeira corrida

Nome a ser batido na MotoGP, Marc Márquez teve um começo de pré-temporada surpreendentemente abaixo do esperado. Em evolução, o espanhol já mostra uma melhora com sua moto Honda, no entanto. A busca pelo hexacampeonato começa dia 10 de março, no GP do Quatar e o piloto conseguiu, em três dias de testes, passar de uma primeira impressão frustrante, para um bom desempenho na segunda-feira.

Depois de sair de uma diferença de mais de 1 segundo no primeiro dia, quando ficou apenas com o 10º tempo, diminuindo para quatro décimos, com o terceiro melhor tempo na segunda, Marquez comentou a melhora de produção e já pensa em um bom resultado na abertura da temporada. “No primeiro dia, começamos realmente distantes, um segundo mais lentos. No domingo, chegamos mais perto, e, agora, podemos dizer que estamos em um bom nível para brigar pelo pódio. Isso é muito importante em um circuito em que normalmente temos dificuldades”, disse.

O espanhol ainda se mostrou bem em relação ao ombro, que vem de cirurgia, mas parece não ser problema para ele. “Estou especialmente feliz porque, no domingo, fiz quase 50 voltas. Na segunda, estava um preocupado com o ombro, mas foi ok, fiz 53 voltas. Me sinto pronto para o começo da temporada. As duas Ducatis parecem distantes mas estão bem próximas, eles são muito espertos”, contou.

O atual campeão ainda analisou esse começo de pré-temporada e o panorama que se cria com o desempenho dos pilotos. “Na pré-temporada, todo mundo é rápido. Na primeira corrida, todos serão rápidos, porque todos testam. O panorama real chega por volta da Argentina, Austin ou Jerez, onde não treinamos. Uma coisa é ter o dia todo para correr como quer, é mais fácil fazer um bom tempo de volta. Mas em um fim de semana de corrida tudo é mais difícil. Veremos, mas não tem sentido forçar agora”, finalizou Marquez.

Fonte: Gazeta Esportiva


Anterior:

Próxima: