Fórmula 1 renova e seguirá com GP do Azerbaijão até 2023

A Liberty Media anunciou, nesta terça-feira (5), a renovação do contrato com o circuito de Baku até 2023. Dessa forma, o Grande Prêmio do Azerbaijão, que estreou em 2016 como GP da Europa e, no ano seguinte, passou a representar o próprio país, segue firme no calendário da Fórmula 1 para as próximas temporadas.

O novo acordo foi assinado pelo presidente e CEO da F1, Chase Carey, e o ministro dos esportes do país situado entre o leste europeu e a Ásia Ocidental, Azad Rahimov. Para o Azerbaijão, a Fórmula 1 tem atraído turistas, investidores e aquecido a economia local como um todo, por isso a renovação foi bastante celebrada.

“O novo acordo permitirá que nossos parceiros maximizem as suas receitas comerciais, em especial por meio de ativações que envolvem cada vez mais os fãs. Além disso, com essa garantia de ao menos mais cinco provas em Baku, tentaremos novas abordagens de patrocínio”, declarou Azad Rahimov.

“Em pouco tempo, esta corrida se tornou uma das mais populares da temporada, sempre gerando corridas espetaculares e disputadas”, justificou Chase Carey.

Com a renovação, a Fórmula 1 segue montando o quebra-cabeça do calendário da categoria para as próximas temporadas. Antes do Azerbaijão, a Liberty Media já havia assinado novos contratos com Alemanha, Bélgica, Cingapura, China e Japão. Além disso, também já tem tudo acertado para que o Vietnã faça sua estreia na categoria em 2020.

Vale lembrar que a Fórmula 1 divulgou, em janeiro, que melhorou sua audiência global em 2018, alcançando quase 1,76 bilhão de telespectadores, 10% a mais com relação ao ano anterior. Quanto ao público de televisão acumulado nos 20 mercados mais relevantes, houve um aumento menor, de 3%, chegando a de 1,59 bilhão de telespectadores.

Fonte: Máquina do Esporte


Anterior:

Próxima: