F1: Doornbos prevê Verstappen visivelmente frustrado se carro novo não surpreender

Com a expectativa de brigar pelo título mundial, Max Verstappen precisa de um carro competitivo para conseguir tal feito. E a Red Bull que tinha o terceiro melhor carro da Fórmula 1 em 2018, corre para entregar um ainda melhor para seus pilotos na temporada que está para começar. E o holandês é o maior interessado nessa evolução, principalmente pela nova parceria com os motores Honda.

Robert Doornbos, compatriota e conhecido de Verstappen já adiantou que se o piloto não ficar satisfeito com o carro será perceptível. “Max saberá imediatamente o quão bem sucedido o novo carro poderá ser, então estarei curioso para ver sua cara depois de algumas voltas ao volante. Se ele estiver desapontado logo de cara, Max não conseguirá esconder. Ele estará imediatamente socando a mesa com seu punho”, disse.

Doornbos, que agora é comentarista em uma TV holandesa também comparou o que esperar com o que a Red Bull apresentou em 2018. “No ano passado, o carro era um dos melhores do grid, senão o melhor. O importante é que o motor Honda seja confiável e não inferior a Ferrari e Mercedes. Se for bom o bastante, Max conseguirá bons resultados, porque o motor que ele usava no ano passado tinha 70 cv a menos”, completou.

Fonte: Gazeta Esportiva


Anterior:

Próxima: