Stock Light: Temporada foi positiva para Myasava e Leonardo Sanchez

Gustavo Myasava e Leonardo Sanchez, pilotos da MRF Racing/EMS Farmacêutica, consideram positiva a temporada 2018 da Stock Light, encerrada no último domingo, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Na última prova do ano, Gustavo largou em quinto e conclui a prova em sexto. Ele explica que no treino classificatório teve problemas com pneus e na prova com os freios. Já Leonardo largou em 25º e concluiu a prova em 24º, porém uma rodada na metade da prova o impediu de buscar um Top 10 na prova.

Gustavo Myasava frisa que o problema nos freios não lhe permitiu brigar por um pódio, mas encerra da temporada de forma positiva, figurando no TOP 10 do campeonato, ao ocupar a nona colocação, com 106 pontos. “Tivemos boas provas e chegamos ao fim da temporada com o carro mostrando evolução. Isto nos projeta boas perspectivas para 2019” completa Myasava.

Por sua vez, Leonardo Sanchez acentua que a prova do último domingo foi espetacular. Realizou algumas ultrapassagens nas primeiras voltas, porém uma rodada lhe tirou as chances de buscar uma colocação no TOP 10. “Após rodar, tive problemas para religar o carro. Quando consegui o pelotão já estava chegando. Mesmo tomando volta, consegui andar no meio do pelotão. Estreei na fase final da temporada e o objetivo era concluir as provas. Consegui e melhorando a cada corrida. Atingimos os objetivos”, destaca Leonardo Sanchez, acrescentando que a equipe MRF Racing/EMS Farmacêutica conclui a temporada na oitava colocação no campeonato de equipes.

A vitória na etapa de encerramento da Stock Light foi de Guilherme Salas, que retornou à categoria. Mas que fez festa foi Rapahel Reis, que com o quinto lugar na prova, conquistou o título da temporada.


Anterior:

Próxima: