500 Milhas de Londrina: Quebra de motor tira chances da vitória para Jair e Duda Bana

Depois de enfrentar vários problemas de corrida, a dupla curitibana formada por pai e filho, Jair e Duda Bana (Pirelli/Bana Pneus) abandonaram por quebra do motor no sábado (24/11), a 27.ª edição das “500 Milhas de Londrina 2018, tradicional prova do automobilismo paranaense, realizada no Autódromo Ayrton Senna, no Norte do Paraná. Jair e Duda Bana conquistaram a pole position na sexta-feira (23/11), com o tempo de 1min18s733, no treino classificatório noturno superando o tempo do Protótipo Spyder da equipe de Aloysio Moreira, Luiz Bley Jr e Osvaldo Ferreira, que marcou 1min26s398, também no treino noturno. A Equipe G-Stage, que prepara o Predador, trabalhou muito nessa prova, enfrentando problemas de fluxo de combustível, chave geral, onde perdeu 10 voltas e por fim a quebra do motor que causou o abandono. A prova contou com supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA).

Duda Bana foi para a largada da prova, às 16 horas, onde manteve a liderança na primeira volta, seguido de pelo Protótipo Spyder de Aloysio Moreira no início da corrida. Da quinta volta em diante Duda Bana passou a abrir vantagem para os demais adversários, rodando cerca de oito segundos mais rápido por volta. Porém, com 40 minutos de prova, Duda foi para os boxes, com um problema de fluxo de combustível, onde perderam quatro voltas para o reparo, após liderar por 30 voltas. Com mais 10 voltas, Duda retornou aos boxes, agora com problema na chave geral do Predador, o que levou mais 10 voltas para detectar o problema e resolver. Duda retornou à pista por mais 40 minutos, recuperando quatro voltas. Na 87.ª volta, Jair Bana assumiu o comando do Predador, depois da troca de piloto e reabastecimento, voltando na sexta posição. Com 99 voltas, Jair Bana assumiu a quinta posição. Com 127 voltas assumiu a quarta colocação e na volta 148 já era o terceiro colocado. Mas, o problema mais grave aconteceu na 151.ª volta, com a quebra do motor do Predador e a equipe teve que abandonar a corrida mais uma vez, depois de uma prova de recuperação incrível de Jair e Duda Bana.

“Essa foi mais uma corrida suada, onde por duas vezes tivemos que ir buscar voltas em atraso por causa dos problemas enfrentados. Lideramos todos os treinos livres que participamos, os treinos classificatórios (diurno e noturno) e o warm up, marcamos a volta mais rápida, só que desta vez não deu para chegarmos à vitória. Mesmo assim, todos na nossa equipe estão de parabéns pelo empenho e dedicação”, declarou Jair Bana. “Quando parece que as coisas seriam mais fáceis, os imprevistos acontecem e os sonhos vão por água abaixo. Fomos sempre os mais rápidos nas 500 Milhas de Londrina 2018, mas a vitória não veio. Fizemos duas boas corridas de recuperação, tirando algumas voltas de desvantagem e no meio da prova, chegamos a acreditar que daria para vencer. Mas desta vez foi o motor que não aguentou. Mesmo assim, valeu pelo esforço de todos na equipe e de nós pilotos, que conseguimos andar forte enquanto estávamos na pista. Em 2019 tem mais e tentaremos novamente a vitória”, concluiu Duda Bana.

Resultado Final

Confira o resultado final da 27.ª edição das 500 Milhas de Londrina:

1.º) Aloysio Moreira/Luiz Bley Jr/Osvaldo Ferreira (C), 262 voltas em 7h00m34s117;
2.º) Juarez Soares/Edras Soares (B), a 6 voltas;
3.º) José Neto/Marcelo Karam/Beto Borghesi (C/A), a 8 voltas;
4.º) Luciano Borghesi/Mário Marcondes/Cláudio Leoni (C), a 11 voltas;
5.º) Alejandro Cignetti/Luiz Abbade (C), a 19 voltas;
6.º) Rodney Grandizoli/Algacir Sermann (F), a 38 voltas;
7.º) Vander Penques/Antônio Cardoso/Sérgio Martinez (C), a 38 voltas;
8.º) Eduardo Costa/Henrique Moreira/Gustavo Moreira (G), a 52 voltas;
9.º) Joao Weiller/José Carvalho (E/D), a 56 voltas;
10.º) Jair Bana/Carlos Eduardo “Duda” Bana (A), a 111 voltas;
11.º) Júnior Victorette/Marconi Abreu/Marcelo Karam (E/B), a 118 voltas;
12.º) Diego Pardo/André Pardo/Admir Pardo (D), a 122 voltas;
13.º) Marcos Romero/Rodrigo Garcia/Werner Berleglieri (G), a 146 voltas;
14.º) Edgar Silva/Wenes Carvalho/Marcos Alfredo (C), a 174 voltas;
15.º) Ney Faustini/Edras Soares (A), a 234 voltas;
16.º) Leandro Totti/Gabriela Totti/José Macedo (C), a 246 voltas.

Melhor volta: n.º35 Jair/Duda Bana na 6ª volta em 1min14s503 (média de 114,190km/h).

A 28ª edição das 500 Milhas de Londrina acontecerão nos dias 23 e 24 de novembro de 2019, e, todas as informações podem ser acompanhadas através do site: www.500milhasdelondrina.com.br, ou também pela Fan Page: facebook.com/londrina500milhas.

Texto: Assessoria
Fotos: Vanderley Soares


Anterior:

Próxima: