Publicidade


Pilotos da Academia Shell mantêm sequência de vitórias e chegam ao último dia do Brasileiro de Kart em alta

Com poles e vitórias em todos os dias do 52o Campeonato Brasileiro de kart, os pilotos da Academia Shell Racing correm neste sábado atrás dos títulos. As provas que vão coroar os campeões do maior nacional de todos os tempos têm início às 15h20 no Kartódromo do Beto Carreiro, em Penha (SC). A partir das 19h os canais Sportv exibem as provas ao vivo.

Na jornada de sexta-feira, novamente, os maiores destaques foram Gaetano di Mauro –impecável na classe Shifter, saindo da pole, liderando todas as voltas das três eliminatórias e assim garantindo a pole na final– e a dupla da classe Júnior, Felipe Baptista e Diego Ramos. Eles fizeram dobradinha na primeira corrida do dia, com Diego saindo da pole e Felipe escalando o pelotão após largar em 15o, enquanto na segunda prova a vitória ficou com Felipe. Baptista assegurou um lugar na primeira fila da final, saindo em segundo. Ramos larga em quinto.

Caetano di MauroDepois de um início de Brasileiro muito desafiador, com problemas tanto no motor quanto no equilíbrio de seu kart, Gianluca Petecof mostrou forte poder de reação nas corridas de sexta-feira. O quinto colocado no Mundial do ano passado teve seu chassi trocado e figurou entre os destaques da classe Sudam Graduados. Ele larga em nono na final desta tarde.

Já o experiente Dennis Dirani, em sua vigésima participação do Brasileiro, acabou prejudicado pelo abandono na terceira eliminatória. Com os pontos todos considerados nas corridas preliminares, ele vai partir em oitavo na final da classe Shifter.

O que eles disseram:

“Conseguimos vencer as corridas e estou bastante animado em buscar o tetracampeonato, que seria meu primeiro título com as cores da Shell. O time da Academia está muito forte e este sábado promete”

Gaetano di Mauro

“Foi sensacional esta sexta-feira. Na primeira bateria do dia, larguei em 15º e terminei na segunda colocação, apenas quatro décimos atrás do Diego (Ramos). Na outra bateria, larguei na segunda colocação e consegui vencer. Tive um pouco de sorte, os líderes bateram e consegui ganhar. Expectativa está grande. O carro está bom, o motor está bom, meu ritmo de corrida está muito bom. Temos uma boa expectativa para brigar pelo título, vamos com tudo”

Felipe Baptista

“Foi um dia muito bom. Abrimos boa vantagem na primeira corrida e conseguimos administrar até o fim. Na segunda, tinha grande disputa pelas posições, e eu sabia que poeria terminar até em 14º para largar na pole neste sábado. Só que um piloto me passou e ficou me trancando em todas as curvas. Estava fazendo sinal que não passaria, mas em uma curva de alta, ele freou e não tive como desviar. Fomos os dois para a grama. Então, acabei punido. Agora, a expectativa é alta para amanhã. Estamos muito competitivos, o equipamento está bom. Se tudo der certo, dá para conseguir o tricampeonato e levar esse título para a Shell”

Diego Ramos

“Vamos largar em nono na final, o que é uma posição decente depois dos problemas que tivemos nos primeiros dias do campeonato. Trocamos de kart e o novo veio bem melhor. A final é uma prova mais longa e espero ter condições de disputar no pelotão da frente outra vez”

Gianluca Petecof

“O campeonato começou muito bem e fui entendendo o kart novo a cada ida para a pista. Classificamos em quinto, terminei a primeira corrida em quarto. Na segunda bateria cheguei em sexto depois de cair na largada e fiz a melhor volta. A terceira prova tive que abandonar depois de ser atingido no início. Quero fazer uma boa corrida na final, largando em oitavo, e vamos tentar terminar entre os três. Acho que vai ser uma boa final, se não acontecer nada inesperado nas primeiras voltas, vamos brigar pelo pódio outra vez”

Dennis Dirani


Publicidade



Anterior:

Próxima: