Revista Racing premiou os melhores de 2012. Com a presença maciça de pilotos e navegadores, solenidade de entrega dos troféus Capacete de Ouro 2012 aconteceu na noite da última segunda-feira (10/12) e premiou os melhores do ano em 17 categorias

O ‘Oscar’ do automobilismo nacional mais uma vez foi marcado pelo sucesso. A 16ª edição do Capacete de Ouro, realizada na última segunda-feira (10/12) na tradicional casa Moinho Eventos, em São Paulo (SP), premiou os pilotos brasileiros que alcançaram maior e relevância na temporada de 2012 e emocionou todos os presentes. O destaque do ano foi Felipe Massa, que mostrou superação nas pistas da Fórmula 1.

“Acho que foi um sucesso. Conseguimos reunir os melhores pilotos, alguns ícones de nossa história no esporte a motor, e premiamos 17 categorias! A revista Racing está cumprindo a missão de tornar pública a paixão do brasileiro pelo automobilismo”, comentou Isabel Reis, vice-presidente da Motorpress Brasil, que edita a revista especializada Racing.

Nas modalidades de monopostos, Helio Castroneves, piloto da Fórmula Indy foi vencedor da categoria Top. Na Fórmula 3 o troféu de ouro ficou com o mineiro Fernando ‘Kid’ Rezende. Na Internacional, o baiano Luiz Razia (GP2) faturou e deixou claro que na próxima temporada deve estar alinhando na categoria máxima do automobilismo. Padrinho desta categoria, Nelsinho Piquet ainda foi homenageado recebendo a homenagem Destaque Internacional 2012, pelo seu desempenho na Nascar Truck, porta de entrada para a principal modalidade do esporte a motor dos Estados Unidos. E na Fórmula 1 o grande destaque foi Felipe Massa.

“É sempre um prazer ganhar o Capacete de Ouro. Foi um ano difícil, no início parecia que tinha uma nuvem negra sobre mim. Em agosto pus a cabeça no lugar e entrei no carro pensando em me divertir. E ai os resultados voltaram a aparecer. Isto me dá mais força para o ano que vem. Agradeço a todos que torceram por mim”, discursou, antes de receber uma homenagem do artista plástico Paulo Solariz, que fez entrega da tela ‘Novo Felipe Massa’. Entre os pequenos que estão iniciando no automobilismo, Felipe Drugovich foi a Revelação e Vitor Baptista venceu na Kart.

Entre os carros fechados, o grande destaque foi Cacá Bueno, que ao lado de Rubens Barrichello, Nelsinho Piquet e Felipe Massa entra na galeria dos maiores vencedores do Capacete de Ouro. Em 2012 ele levou nas categorias Nacional e na Copa Fiat, completando sete prêmios máximos, e ainda ficou em segundo na Grand Turismo, vencida pela dupla Cleber Faria/Duda Rosa.

Na Turismo o vencedor foi o gaúcho Vitor Genz, na Mercedes-Benz Challenge foram os seus conterrâneos, João e Márcio Campos, na Endurance Xandy e Xandynho Negrão, outra dupla de pai e filho, na Porsche Cup Ricardo Baptista, e na Porsche Challenge Sylvio de Barros.

Na premiação da categoria Truck o escolhido pelo colegiado de jornalistas especializados convidados pela revista Racing foi o paranaense Leandro Totti, e nas modalidades de velocidade na terra os jovens Luccas Arnone e Felipe Costa foram os vencedores, com Guilherme Spinelli e Yousseff Haddad ganhando novamente na Off Road.

A história do automobilismo nacional novamente foi lembrada com uma bela homenagem aos pilotos e preparadores da equipe Jolly-Gancia, uma das primeiras profissionais do Brasil, comandada pelos empresários e pilotos Emilio Zambelo, presente na solenidade e Piero Gancia, representado pelo seu filho Carlo. Apadrinhada pelo ex-piloto Bird Clemente e pelo jornalista Cláudio Carsughi, novamente a Homenagem Histórica foi um dos pontos altos da festividade, com os 500 convidados aplaudindo de pé os nossos primeiros heróis das pistas.

Outra homenagem importante foi aos 40 anos de cobertura da Fórmula 1 pela TV Globo. O jornalista Reginaldo Leme recebeu o Capacete de Ouro Especial, pintado por Alan Mosca, herdeiro do talento do estilista Sid Mosca, por toda a sua contribuição ao divulgar o automobilismo.

Para finalizar Isabel Reis agradeceu o apoio dos patrocinadores Fiat, Pirelli e CBA, representados por Arthur Mendes, Fábio Magliano e Paulo Gomes, respectivamente, e aos padrinhos Ricardo Dilser (Copa Fiat); Fábio Magliano (Fórmula 1); Denner Pires (Porsche) e Mario Laffitte (Mercedes-Benz), que receberam placas. Ao final da festa os 500 convidados foram brindados com o novo livro do ex-piloto de Fórmula 1 Alex Dias Ribeiro. A próxima edição da revista Racing vai trazer uma completa cobertura da solenidade da 16ª edição do Capacete de Ouro.

Confira os vencedores do Capacete de Ouro, Prata e Bronze 2012:

Fórmula 1
Felipe Massa
Bruno Senna

Top
Helio Castroneves
Tony Kanaan
Rubens Barrichello

Internacional
Luiz Razia
Nicolas Costa
Bruno Bonifácio

Nacional
Cacá Bueno
Átila Abreu
Ricardo Maurício

Gran Turismo
Cleber Faria/Eduardo Rosa
Cacá Bueno/Claudio Dahruj
Vanuê Faria/Renan Guerra

Copa Fiat
Cacá Bueno
André Bragantini
Giuliano Losacco

Mercedes-Benz Challenge
João Campos/Márcio Campos
Fernando Júnior
Cesare Marrucci

Porsche Cup
Ricardo Baptista
Clemente Lunardi
Fábio Viscardi

Porsche Challenge
Sylvio de Barros
Daniel Schneider
Gui Affonso

Truck
Leandro Totti
Beto Monteiro
Felipe Giaffone

Turismo
Vitor Genz
Rodrigo Hanashiro
Raphael Abbate

Fórmula 3
Fernando Kid
Higor Hoffmann
Raphael Raucci

Endurance
Xandy Negrão / Xandinho Negrão
Chico Longo / Daniel Serra
Marcelo Sant’anna / Christian Pons

Rali
Luccas Armone/Felipe Costa
Fábio DallAgnol/ Gabriel Morales
Rafael Túlio/Gilvan Jablonski

Off Road
Guilherme Spinelli/Yousseff Haddad
Riamburgo Ximenes/Flávio França
Marcos Baumgart/Kleber Cincea

Kart
Vitor Baptista
Olin Galli
Dudu Dieter

Revelação
Felipe Drugovich
Gianluca Petecof
Guilherme Peixoto

O Capacete de Ouro é realizado pela Revista RACING, da editora Motorpress Brasil, e produzido pela Cara Reges, com patrocínio de Fiat e Pirelli.


Anterior:

Próxima: