Átila Abreu, piloto patrocinado pela Sorocred, faz preparação diferenciada para competir pela primeira vez em Cascavel no próximo domingo

Principal novidade da temporada 2012, a pista de Cascavel retorna a Stock Car depois de 20 anos para a corrida de 9h30 deste domingo. No caso de Átila Abreu, piloto do carro #51 da equipe Mobil Super Pioneer Racing, a preparação para competir no novo palco envolveu até uma viagem de reconhecimento da pista.

“É uma pista em que eu nunca pilotei. Não andei lá e não conheço, sei que passou recentemente por reforma e foi por isso que resolvemos fazer uma visita semana passada com o time. Demos algumas voltas a pé, para saber exatamente o que nos espera”, conta o sexto colocado no campeonato com 75 pontos.

E o diagnóstico é animador. “É uma pista bem rápida e muito técnica, com algumas tangências, um tanto manhosas, e certas ondulações, que conferem uma personalidade especial ao traçado. Espero uma prova muito movimentada”, diz o piloto sorocabano.

Átila aponta que normalmente adota uma abordagem diferente em sua competição de estreia num determinado circuito, mesmo quando há previsão de um treino extra, como acontecerá nesta sexta. “Nos circuitos que já conheço, faço uma ou duas voltas a pé antes dos treinos. É para avaliar as condições do piso, verificar a altura das zebras, o estado das áreas de escape etc. Em pista nova, esse processo é muito mais intenso. São várias voltas a pé, nas quais eu vou tentando desenhar o traçado na cabeça, avaliar os pontos de frenagem, identificar trechos em que é possível ultrapassar, onde posso buscar um traçado diferente (para atacar ou defender a posição). E não é só a pista, tem que prestar atenção também nas áreas de escape, testar as zebras…”

Ele acrescenta que o fato de Cascavel ser uma pista de alta e sem tantas curvas favoreceu o trabalho na viagem da semana passada. “Se fosse a mesma coisa em Interlagos, por exemplo, seria mais demorado criar esse mapa mental. E conhecendo bem o carro é claro que o processo funciona melhor”, acredita Átila.

Para a oitava etapa da principal categoria do automobilismo brasileiro em 2012, a equipe Mobil Super Pioneer Racing fez uma revisão do equipamento usado em Salvador no último final de semana de agosto. “Foi identificado o problema que nos deixou sem direção hidráulica nas voltas finais e isso já foi resolvido. As suspensões, muito exigidas nas pistas de rua como Salvador, também foram reavaliadas para a corrida de Cascavel”, afirma o piloto.

Companheiro de Átila Abreu na Mobil Super Pioneer Racing, o experiente Nonô Figueiredo tem boas lembranças de Cascavel. “É uma pista nova para a Stock, mas já corri lá antes das reformas. Ganhei corrida de Formula Fiat e fiquei em segundo lugar no Super Turismo Sul Americano, mas a fase atual é extremamente competitiva. O importante é que a equipe está evoluindo e uma hora a vitória vai chegar”, aponta o piloto do carro #11.

Para a sexta-feira estão programados três treinos livres. A tomada de tempo acontece a partir de 12h10 de sábado e a largada será às 9h30 de domingo, com transmissão ao vivo pela TV Globo.

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO

1º – Cacá Bueno (RJ) – 115 pontos
2º – Ricardo Maurício (SP) – 110
3º – Daniel Serra (SP) – 95
4º – Thiago Camilo (SP) – 86
5º – Max Wilson (SP) – 79
6º – Átila Abreu (SP) – 75
7º – Julio Campos (PR) – 73
8º – Valdeno Brito (PB) – 72
Luciano Burti (SP) – 72
10º – Nonô Figueiredo (SP) – 69

Sobre a Sorocred

Fundada em 1990, a Sorocred é especializada em produtos e serviços voltados para a nova classe média brasileira. São mais de 30 modalidades entre cartões, concessão de crédito, investimentos e seguros.

Saiba mais contatando a central de relacionamento Sorocred pelo telefone 0800 55 55 15 (24 horas por dia, 7 dias por semana) ou no site www.sorocred.com.br.


Anterior:

Próxima: